8 Mitos e Verdades sobre o Uso do Ar Condicionado

8 Mitos e Verdades sobre o Uso do Ar Condicionado
Postado em: 04/09/2018 as 1:04:23

8 Mitos e Verdades sobre o Uso do Ar Condicionado

Você tem alguma dúvida sobre o uso do ar-condicionado que não sabe se é verdade ou mito? Existem muitas mentiras sobre o uso dos aparelhos de climatização e seus efeitos rolando pela internet, por isso o HQ Refrigeração e Climatização resolveu desvendar alguns deles para você.

Ar Condicionado pode causar gripe e alergias?

Mito. O ar condicionado não causa gripe, pneumonia ou alergias – embora a exposição às baixas temperaturas possam baixar a imunidade do corpo. O que pode acontecer mais diretamente é um ressecamento das mucosas expostas, como a garganta, porque o ar condicionado diminui a umidade do ar. Nesses casos, o recomendado é manter a temperatura no aparelho regulada a 24ºC.

Ar Condicionado faz algum mal à saúde?

Mito. Mas cuidado, não prejudica se for feita uma manutenção correta. A princípio, o ar-condicionado até ajuda na saúde das pessoas, pois o aparelho filtra o ar, deixando-o mais limpo – não fosse o caso, os hospitais não usariam. Porém, é preciso que seja feita uma limpeza periódica no filtro do equipamento para que não se instalem fungos e outras sujeiras.

Dá para mudar a unidade de temperatura (Celsius x Fahrenheit)?

Verdade. E isso acontece muito por acidente. Às vezes você só quer achar uma configuração no controle remoto e acaba mudando a unidade sem querer – há muitas funções no ar condicionado.

Isso também pode acontecer se o controle for reiniciado na troca de pilhas. Mas há quem simplesmente queira configurar seu aparelho com uma unidade diferente. Para isso, existe a função no controle de mudar a unidade de temperatura de Celsius para Fahrenheit ou vice e versa.

A temperatura interfere no consumo de energia?

Verdade. Manter o ar-condicionado na temperatura mínima ou na máxima consome mais energia. Isso acontece porque são climatizações mais difíceis de se manterem estabilizadas num ambiente – o que exige muito trabalho nos modelos inverter.

Já nos modelos comuns, a condensadora normalmente para de funcionar quando o ar-condicionado atinge a temperatura configurada pelo usuário, e liga de novo quando o termostato do aparelho capta uma temperatura muito diferente. Esse liga e desliga causa os surtos de consumo de energia que aumentam significativamente a conta de luz. A solução é manter o ambiente em temperaturas agradáveis, mas não muito extremas, como entre 22ºC e 24ºC.

Ar Condicionado faz muito ruído?

Mito, com exceção dos modelos Janela (já menos encontrados no mercado), conhecidos por produzirem ruídos altos. Os ruídos externos, como o trânsito, por exemplo, costumam ser muito mais barulhentos do que o aparelho de ar condicionado Split. Inclusive, os modelos Inverter foram pensados também para serem ainda mais silenciosos do que o normal. Portanto, um ar condicionado mais moderno não produz nenhum ruído incomodativo.

Aparelhos Inverter consomem muita energia?

Mito. A tecnologia Inverter foi pensada justamente para economizar energia – eles consomem até 40% menos de luz. Diferente dos aparelhos comuns, os modelos Inverter não desligam a condensadora quando atingem a temperatura configurada pelo usuário, apenas dosam a sua intensidade para estabilizar a climatização do ambiente.

Inclusive hoje já existe o ar-condicionado 8 polos, desenvolvido para economizar ainda mais energia.

Ar Condicionado só se usa no verão?

Mito. Os aparelhos com o chamado ciclo reverso (quente/frio) podem ser usados tanto no frio como no calor. Basta saber configurar seu ar-condicionado, o que pode ser feito seguindo alguns passos bem simples.

Para instalação ou manutenção de ar condicionado, clique aqui.

Para compra de equipamento, CLIQUE AQUI.

Categorias:
Ar Condicionado
Tags: