Bebê e Ar Condicionado, é Perigoso?

Bebê e Ar Condicionado, é Perigoso?
Postado em: 02/10/2018 as 4:05:36

Bebê e Ar Condicionado, é Perigoso?

Em dias quentes para fugir das altas temperaturas e do incômodo em estar em locais abafados, muitas pessoas se rendem ao ar condicionado. Mas o que fazer quando se tem um bebê em casa? A primeira coisa a saber é que o ar condicionado não está proibido se existe um recém nascido em casa, mas alguns cuidados se tornam primordiais.

Um dos principais problemas causados pelo uso do ar condicionado é retirar do ar a umidade natural, sendo assim, o nariz não consegue filtrar devidamente o ar e nem umidificá-lo para que chegue em condições melhores até o pulmão.

Pessoas que ficam muito tempo expostas ao ar condicionado também estão mais propensas a contrair problemas de saúde ou de ter problemas alérgicos intensificados como é o caso da rinite, sinusite ou asma. E para que um bebê possa estar exposto ao ar condicionado sem riscos, é importante que os pais sigam importantes recomendações quando à sua utilização.

Saiba como é possível ter ar condicionado em casa sem prejudicar o Bebê

Os bebês também sofrem com o mal-estar provocado pelas altas temperaturas, por isso, se alguns cuidados forem tomados em relação ao uso do recurso do ar condicionado, os problemas podem ser minimizados consideravelmente.

A recomendação em dias mais quentes é que os pais evitem expor a criança a locais muito abafados ou sob exposição direta do sol. O recém-nascido pode ficar no ar condicionado desde que alguns cuidados sejam tomados, é importante que os pais entendam que o grau de resfriamento do ar ao qual estavam acostumados antes da chegada da criança não pode ser o mesmo para um bebê ainda tão frágil.

9 Dicas Para Usar o Ar Condicionado Sem Riscos

  1. Controle do ressecamento – É inevitável o ressecamento do ar provocado pelo ar condicionado e da mesma forma como os adultos sentem o nariz ressecado, a criança também estará sujeita ao mal-estar. Por isso, alguns artifícios podem ser usados para impedir a retirada total da umidade do ar como: utilização de um umidificador, bacia com água ou uma toalha molhada no local.
  2. Temperatura ideal – A temperatura ideal para não prejudicar a criança deve estar entre 23°C e 27°C. O recém-nascido pode dormir no ar condicionado desde que estes cuidados sejam respeitados, mas o ideal é que o ar seja resfriado previamente na temperatura de até 25°C e ao levar a criança para o quarto, o aparelho pode ser desligado.
  3. Aparelho de qualidade – É essencial que o aparelho tenha uma boa qualidade, que seja frequentemente higienizado e hoje no mercado existem até opções que prometem filtrar até 80% das bactérias e fungos, o que pode melhorar as condições do ar e prevenir as crianças de processos alérgicos.
  4. Ar condicionado no carro – Também não está proibido, mas é importante que os pais tomem alguns cuidados como não deixar a saída de ar apontada diretamente para o rosto da criança. Em caso de aparelhos mais potentes, é importante regular a temperatura para que o ambiente no carro não fique gelado, mas apenas agradável.
  5. Ventilador – O ventilador pode ser usado, mas é essencial que o ambiente esteja impecavelmente limpo ou então será apenas um aparelho para espalhar partículas de sujeira, fungos e bactérias. Não deve estar posicionado diretamente sobre a criança e em caso de bebês maiores, deve-se ter o cuidado para manter o aparelho longe do alcance.
  6. Umidificador – Este aparelho pode ser prejudicial porque pode tornar o ar muito úmido, também se tornando fonte de proliferação de fungos e bactérias. O ideal é que o ambiente esteja muito limpo e que exista ventilação natural no local.
  7. No banho da criança – O ideal é que o aparelho de ar condicionado seja desligado no momento do banho do bebê, para evitar o choque térmico (ar frio depois do banho morno). O ideal é ligar o aparelho novamente apenas quando o cabelo da criança estiver seco.
  8. Trégua – Em momentos do dia é importante desligar o aparelho e permitir a entrada de ventilação pela janela e portas, isso ajuda a renovar o ar do ambiente.
  9. Aparelho no lugar correto – O ideal é que o aparelho esteja longe do berço da criança e em uma posição contrária à cabeça do bebê.

IMPORTANTE: Embora a temperatura limite para o resfriamento do ar seja de 27°C, a maioria dos especialistas orienta que durante o dia fique de 24°C a 26°C para que o bebê fique confortável e longe de problemas.

O ar condicionado faz mal para o bebê se alguns cuidados não forem tomados, mas se os pais respeitarem as principais dicas é possível ter um ambiente agradável no calor e que não cause danos à saúde da criança, pelo contrário, trazendo ao bebê mais conforto e bem-estar.

Gostou das dicas? Precisa de higienização do seu equipamento? entre em contato clicando AQUI.

Categorias:
Ar Condicionado
Tags: